Gestão da inovação: saiba o que é e como fazê-la na sua empresa

Para se diferenciar dos concorrentes, em um mercado saturado de empresas oferecendo os mesmos produtos e serviços, é necessário inovar. Para descobrir ou criar novas necessidades ou investigar novos nichos de mercado, é essencial gerir a inovação.

Mas você sabe o que é a gestão da inovação, a importância desse modelo empresarial para a sua organização e como utilizá-la de forma eficiente?

Este artigo visa explicar essas questões e mostrar como o uso estratégico de dados pode contribuir para a melhoria dessa gestão. Siga conosco e boa leitura!

O que é inovar?

A gestão da inovação é um modelo empresarial que busca aumentar constantemente a competitividade da empresa. Ela utiliza ações pontuais até modificações radicais no trajeto da empresa. É uma estratégia de constante nutrição, em que novas ações são tomadas continuamente.

É também um processo ininterrupto que tem como objetivo fazer com que as empresas sejam aptas a gerar inovação e valor para os seus produtos e serviços.

Para que inovar?

Um dos fatores de sucesso e longevidade das empresas é a sua capacidade de inovar e de reformular as ações inovadoras. Entretanto, muitas empresas ainda estão começando a perceber a importância de gerir esse processo. Essa gestão possibilita empregar técnicas inovadoras no momento oportuno, com ações adequadas e divulgação correta.

Uma empresa que utiliza o processo de gerir a inovação tem vantagem ao tentar alcançar novos mercados, consolidar novas parcerias, adquirir conhecimento, aumentar a receita e valorizar a marca.

Como inovar?

Desenvolver novos produtos e serviços, encontrar novos mercados e descobrir diferentes utilidades para serviços e produtos já existentes fazem parte da gestão da inovação. Mas para que essas ações sejam aplicadas de forma eficiente é preciso seguir quatro passos:

  • comunicar-se claramente com a equipe: iremos inovar;
  • organizar o tempo para atualizar e modernizar;
  • controlar as atividades e resultados;
  • reconhecer.

Conversar com os funcionários e deixar claro a intenção de inovar cria espaço para que existam discussão de ideias e um ponto de partida para o início do processo criativo na empresa. Separe um tempo para isso, porque ninguém consegue inovar sem organização.

Meça o tempo e quanto recurso está sendo utilizado no processo e quais foram os resultados obtidos. E, por fim, reconheça os esforços dos autores das iniciativas que geraram lucro para a empresa.

Como inovar utilizando dados?

O uso estratégico de dados pode ajudar a melhorar o processo de gerir a inovação. Apesar de ser um tema novo, quando se fala em gestão da inovação o uso estratégico de dados é muito importante para a companhia.

O processamento de significativa quantidade de dados com o objetivo de gerar ideias de novos produtos e serviços, e identificar possíveis mudanças em processos, auxilia os gestores de inovação a identificarem oportunidades.

As empresas utilizam os dados para gerir insights coletando, testando, tornando visíveis as ideias e mapeando os pontos fortes e fracos dos projetos de inovação.

Inovar é essencial, porém não é fácil e nem simples. Uma boa gestão da inovação auxilia na obtenção de melhores resultados para a empresa. Certamente, as organizações mais inovadoras têm mais vantagens que as demais.

Quer saber mais sobre inovação? Siga-nos em nossas redes sociais para acompanhar outras informações valiosas como as que você acabou de ler. Estamos no LinkedIn e no Twitter!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Share This